Instituto de Psicologia

Milton H. Erickson

Juiz de Fora

gallery/logo

Lugar de crescimento e aprendizagem.

 

                             Suzana Maria de Paula Mendonça CRP 04/7259.

 

        Estamos em agosto e há gosto para muitas comemorações. Os dias do mês de agosto são para exaltar, desde o folclore, a conscientização da esclerose múltipla, o estudante, o padre, o soldado, a saúde, o advogado, o voluntário, até o solteiro.... Mas, hoje, aqui, neste relato, quero parabenizar os PSICÓLOGOS! Não que os demais e outros que não citei sejam menos importantes, mas de fato, “não há quem não queira em sã consciência, uma ajudinha psicológica”! Foi com essa frase que obtive uma explicação do que é ser psicóloga, e do quão mágica é a profissão. Estávamos em meio a uma conversa sobre profissões e um adolescente pediu destaque aos psicólogos, não por sermos três da mesma profissão, segundo ele, mas porque “não há quem não queira em sã consciência, uma ajudinha psicológica”!

Eu ouvi, me surpreendi e perguntei: você acredita mesmo nisso?   O que é ser psicólogo?

-Ele me respondeu: são profissionais que ajudam o ser humano no mais crítico, mais doloroso, mais difícil, mais sofrido momento da vida, com beleza, leveza, delicadeza, amor, carinho, competência e da forma mais respeitosa. Pessoa que se prepara para ouvir, orientar, acalentar e eliciar o mais nobre dos sentimentos humanos de forma individual; “o amor por si mesmo” “o poder interno”, “a força propulsora”, “os recursos internos” para que cada um possa lidar com as mais diferentes dificuldades e ressignificar, superar, curar, modificar. É mágico, no sentido da ciência, grandeza das descobertas, do conhecimento sobre natureza, homem, espirito e para poder se permitir que cada um possa se reconhecer como um ser humano capaz, merecedor e com possibilidades, habilidades, competências para modificar a si e modificar, por consequência, o seu redor, com o olhar voltado para solução, para a positividade, para saúde e para o crescimento em todos os aspectos.

Depois de ouvir todas essas palavras, não pude deixar de concordar, agradecer e acrescentar que me sentia valorizada pela compreensão e definição da profissão.

Por isso, me permita, caro leitor, engrandecer os psicólogos. Profissionais que trabalham duro no auto crescimento, no autodesenvolvimento, como pessoa e como indivíduos competentes na técnica, na teoria, no exercício da profissão, em várias áreas, qualidades e trabalhos que sustentam qualquer um dos profissionais da psicologia nos vários campos de atuação. São seres humanos capazes, que se preparam durante a vida toda para serem o alicerce positivo, coerente, sensato, respeitoso, competente, verdadeiro e com condições de atuar em benefício do outro e despertar no outro o melhor dele mesmo.

Vou terminar, citando o dr Milton H. Erickson que diz: “a terapia começa em casa, na casa do terapeuta”.

27 de agosto desde 1962! (LEI Nº 4.119).

A MAGIA DE SER PSICÓLOGA II

gallery/psicologia